HomeDiagramsDatabaseMapsForum About
     

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais


Reply

 
Thread Tools Display Modes
     
     
  #2441  
Old Posted Mar 24, 2021, 3:44 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Uma coisa que o povo desses locais vai sofrer é com falta de comércio na quadra. E os corretores vem com papo furado de ter delivery, que tem comércio no Sudoeste.

O povo é bairrista, prefere comprar na sua entrequadra, ainda mais se tiver tudo ao seu alcance. Se possível a pé, de bike ou de carro mesmo.

Entre comprar a delivery um pão que virá seco e frio e demorar para entregar. Prefere ir na padaria, ficar esperando a fornada sair e levar o pão fresco e assado na hora.

Qual prefere?
Reply With Quote
     
     
  #2442  
Old Posted Apr 6, 2021, 10:07 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
O GDF só faz cagadas, tentei acessar o geoportal e adivinha, agora tem que ter cadastro, é mole ou quer mais. Em vez de melhorar, piorou.
Reply With Quote
     
     
  #2443  
Old Posted Apr 7, 2021, 4:23 AM
BSB BSB is offline
Registered User
 
Join Date: Mar 2021
Posts: 3
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
O GDF só faz cagadas, tentei acessar o geoportal e adivinha, agora tem que ter cadastro, é mole ou quer mais. Em vez de melhorar, piorou.
Eu achei que ficou mais leve o sistema e tô conseguindo acessar sem o login. Tendo acesso a tudo que tinha antes dessa atualização.
Reply With Quote
     
     
  #2444  
Old Posted Apr 7, 2021, 4:42 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Quote:
Originally Posted by BSB View Post
Eu achei que ficou mais leve o sistema e tô conseguindo acessar sem o login. Tendo acesso a tudo que tinha antes dessa atualização.
Pois parece que liberaram o acesso hoje dia 07/04/2021, antes disso não estava liberado.

Eu não estou conseguindo, pois antes eu aplicava camadas e já aparecia outras opções, nesse modo não tem.
Reply With Quote
     
     
  #2445  
Old Posted Apr 20, 2021, 8:33 PM
kaomidev's Avatar
kaomidev kaomidev is offline
José Rodrigo
 
Join Date: Mar 2019
Location: Brasilia
Posts: 87


Outdoor colocado recentemente.
Habita Brasília finalmente vai ser implantado.
__________________
===== If you can dream it, you can do it =====
Reply With Quote
     
     
  #2446  
Old Posted Apr 21, 2021, 12:48 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Quote:
Originally Posted by kaomidev View Post


Outdoor colocado recentemente.
Habita Brasília finalmente vai ser implantado.
Que pena que o projeto fora desfigurado. O Anterior era muito melhor do que o atual.
Reply With Quote
     
     
  #2447  
Old Posted Apr 21, 2021, 1:10 AM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,684
O Recanto é a Região Administrativa que mais possui projetos de habitação e aos poucos os projetos vão saindo do papel.

Projetos: Quadras 117 e 118, Residencial Tamanduá, Subcentro 400/600 e SH Parque das Bênçãos.

Fora o projeto do Parque Logístico (trechos 1 e 2), além do Subcentro 100/300, que ainda não dispõe de projeto.
Reply With Quote
     
     
  #2448  
Old Posted Apr 21, 2021, 4:49 AM
DavidRPM's Avatar
DavidRPM DavidRPM is offline
Registered User
 
Join Date: Dec 2011
Posts: 122
Mais desenvolvimento para o DF com PPP de distribuição e logística

Edital do Polo Logístico foi lançado na praça; expectativa é de que 400 empresas se instalem em região de 260 hectares no Recanto das Emas



Consolidado no funcionalismo público e desenvolvido no setor de comércio, o Distrito Federal trabalha para se tornar referência em outro ramo, o da indústria. Para isso, uma série de medidas têm sido tomadas, entre elas a parceria público-privada (PPP) para acelerar esse processo de crescimento. Uma nova frente de trabalho surgiu com a publicação do edital para implantação do Polo Logístico do Distrito Federal, a ser instalado no Recanto das Emas.

O Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) do Polo Logístico trata de uma área de 260 hectares entre o Recanto das Emas e Samambaia, destinada a uma melhor logística de distribuição de produtos em uma rota subutilizada hoje, que é a BR-060, desafogando a sobrecarregada BR-040.

Nesta PPP, caberá às empresas viabilizar a infraestrutura urbana e logística, atendendo também a uma série de itens como a pavimentação e sinalização de vias; drenagem urbana; rede de água potável e industrial; rede de esgotamento; infraestrutura de rede de energia elétrica; e a rede de dutos de telecomunicação. O Governo, por sua vez, entrará com a cessão da área. Vale lembrar que todos os termos e condições do projeto ainda vão ser definidos e, portanto, podem ser modificados.

Nesta PPP, caberá às empresas viabilizar a infraestrutura urbana e logística, atendendo também a uma série de itens como a pavimentação e sinalização de vias; drenagem urbana; rede de água potável e industrial; rede de esgotamento; infraestrutura de rede de energia elétrica; e a rede de dutos de telecomunicação

“Entende-se que esse modelo está concatenado às novas tendências de crescimento e expansão do e-commerce, com as atividades de deliveries, sobretudo a partir dos novos hábitos de isolamento social. Nesse contexto, tornam-se cada vez mais viáveis as regiões próximas aos centros de consumo, sendo esse o caso da BR-060, eixo de ligação entre Brasília, Anápolis e Goiânia. O DF está no centro do país, perto de tudo, e isso facilita a distribuição”, aponta o secretário de Projetos Especiais (Sepe), Roberto Vanderlei de Andrade.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico (SDE), José Eduardo Pereira Filho, o projeto do Polo Logístico será uma espécie de ampliação das Áreas de Desenvolvimento Econômico (ADEs), mas com roupagem de parceria público-privada.

“É um trabalho absolutamente conjunto o das ADEs e do Polo Logístico. Ele vai ganhar esse caráter de PPP, mas é uma ADE. É dentro dessa valorização e requalificação das ADEs que isso está sendo trabalhado. Um dos objetivos do polo é descentralizar das outras ADEs aquela concentração. Grandes centros de distribuição ficam no Polo JK, por exemplo. Ainda temos áreas para instalar no Polo JK? Sim, mas podemos instigar muitos centros de distribuição para se instalarem no Polo Logístico de Recanto das Ema”, argumenta.

Ainda segundo o secretário, a região tem muito a ganhar com o polo. “É uma área nervosa, no sentido de desenvolvimento e também sob o ponto de vista de eficiência logística. O governo está dando estrutura e condições para que a região seja explorada por cerca de 400 empresas”, acrescenta.

Processo



O PMI é a primeira etapa do processo que será finalizado com o edital de licitação para a concessão e exploração do Polo Logístico do DF. A Secretaria de Projetos Especiais é responsável por dar forma ao plano de negócio, que começa com a entrega de documentação pelas empresas interessadas em desenvolver estudos, investigações e levantamentos.

Depois que as empresas entregarem a documentação, a equipe técnica da secretaria analisa se tudo está correto e publica quais delas poderão desenvolver os estudos. As que estiverem habilitadas terão um tempo para apresentar suas propostas e a Sepe terá mais um tempo para decidir o estudo vencedor.

Outra etapa pela qual o estudo vai passar é a de consulta e audiência públicas, que é quando a população conhece o projeto, dá sugestões e propõe modificações. Somente após essa fase é que se dará a última parte, que é a tramitação para a publicação do edital de licitação. Nesse momento, toda a documentação do processo é encaminhada para a secretaria ou órgão que será o responsável pelo Polo Logístico do DF.

Fonte: https://www.agenciabrasilia.df.gov.b...o-e-logistica/
Reply With Quote
     
     
  #2449  
Old Posted Apr 21, 2021, 11:56 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Mas para haver desenvolvimento, tem que haver infraestrutura. Agora só implantar o pólo na região, sem construir vias marginais na BR, vai criar um gigantesco engarrafamento bem antes do viaduto da Samambaia.
Reply With Quote
     
     
  #2450  
Old Posted Apr 22, 2021, 12:41 AM
kaomidev's Avatar
kaomidev kaomidev is offline
José Rodrigo
 
Join Date: Mar 2019
Location: Brasilia
Posts: 87
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Mas para haver desenvolvimento, tem que haver infraestrutura. Agora só implantar o pólo na região, sem construir vias marginais na BR, vai criar um gigantesco engarrafamento bem antes do viaduto da Samambaia.
Esse engarrafamento já existe.
__________________
===== If you can dream it, you can do it =====
Reply With Quote
     
     
  #2451  
Old Posted Apr 22, 2021, 2:44 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Quote:
Originally Posted by kaomidev View Post
Esse engarrafamento já existe.
Estou falando do viaduto da Samambaia até o viaduto de Santo Antônio do Descoberto. Pois se a intenção é concentrar tudo ali de logística.

Todo o fluxo de caminhões passará obrigatoriamente ali. Aí teria de duplicar a DF 180 em toda sua extensão, enquanto não saí o anel viário.
Reply With Quote
     
     
  #2452  
Old Posted Apr 23, 2021, 12:15 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Alguém sabia disso aqui?

Reply With Quote
     
     
  #2453  
Old Posted May 1, 2021, 1:28 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Ibaneis negocia área da Marinha para construção de nova cidade no DF
GDF propõe construir e doar nova sede da força militar como contrapartida pelo terreno de 62 km² para abrigar até 80 mil famílias



O governador Ibaneis Rocha (MDB) informou ao Metrópoles, na sexta-feira (30/4), que começou a negociar com a Marinha a aquisição de um terreno de 62 km² para que seja construída uma nova cidade no Distrito Federal. Em reunião realizada na tarde de quinta-feira (29/4) por comandantes da força militar com representantes do Governo do Distrito Federal (GDF) e a Secretaria do Patrimônio da União (SPU).

A ideia é que o terreno, localizado nas proximidades de Santa Maria e do Gama, seja destinado à construção de prédios residenciais com modelo de sustentabilidade e de maior execução, com o formato parecido ao do Jardins Mangueiral, bairro localizado próximo a São Sebastião que conta com unidades financiadas pelo programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal.

A princípio, os residenciais terão até três andares e áreas de convivência, como quadras de esporte, praças e espaços destinados ao comércio que atenderá a comunidade local. A capacidade é reunir até 80 mil famílias no novo complexo residencial, já batizado por alguns como “Cidade Catetinho”, referência à proximidade da primeira residência oficial da Presidência da República durante a construção de Brasília.

“A ideia é construir um modelo townhouse [modelo internacional de habitações geminadas], nos moldes dos Estados Unidos. Em Valparaíso (GO), por exemplo, onde há projetos parecidos, 80% dos proprietários adquiriram o imóvel por financiamento do Minha Casa Minha Vida. Estão indo para o Entorno pela dificuldade de se adquirir imóveis no DF”, disse o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF), articulador da proposta e que também participou da reunião.

A expectativa é entregar as primeiras unidades até o próximo aniversário da capital federal, comemorado em 21 de abril. Contudo, para que o projeto saia do papel, uma longa jornada terá de ser cumprida. A principal delas é a transferência da propriedade do terreno, que é da Marinha, para o Distrito Federal. Como contrapartida, a proposta inicial é de que o GDF destine uma área à força militar e também assuma a construção da sede própria da Marinha no DF.

Projeto habitacional

Após a transferência da área para o Distrito Federal, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh) será a responsável por criar o projeto habitacional. Com a etapa vencida, a Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) poderá licitar os terrenos para que o setor privado se habilite para construir os novos prédios financiados pelo programa Minha Casa Minha Vida e pela Caixa Econômica Federal.

Por outro lado, um termo de cooperação técnica servirá para esclarecer o valor comercial da área total e como o GDF faria a compensação financeira, desde a doação de um outro lote até a construção da nova sede da Marinha.

“É uma proposta inovadora que já está avançada, mas precisará também de uma alteração no Plano Diretor de Ordenamento Territorial (Pdot), já que esse terreno onde será construída a nova cidade está incluído dentro da área rural e deverá ser considerado legalmente como zona urbana”, adiantou Miranda.

A proposta, segundo o deputado, é criar possibilidades para que o GDF atraia as empreiteiras responsáveis pelos empreendimentos garantindo desconto de Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS) para quem aderir ao modelo. Pelo cálculos, seriam em média R$ 15 mil de subsídio com a possibilidade de ser usado para a compra de material de construção.


Fonte: https://www.metropoles.com/colunas/j...a-cidade-no-df
Reply With Quote
     
     
  #2454  
Old Posted May 1, 2021, 1:32 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Daqui a pouco aparecem os ecoxiitas alegando que o lugar é recarga de aquífero.... querem apostar.
Reply With Quote
     
     
  #2455  
Old Posted May 1, 2021, 5:05 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,519
Creio que seja essa área aqui.

__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2456  
Old Posted May 1, 2021, 5:06 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,519
Muita coisa deve dar uns 4 Itapoã parque
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #2457  
Old Posted May 1, 2021, 5:16 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Muita coisa deve dar uns 4 Itapoã parque
Agora daria para sair uma linha de metrô na região e fora a bendita duplicação da rodovia. E a outra região ficaria para cidade fo Luis Estevão
Reply With Quote
     
     
  #2458  
Old Posted May 1, 2021, 10:27 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,684
Acho que esse local tem pouca chance de sair do papel. É uma floresta gigantesca (quase a mesma coisa do Parque Nacional de Brasília) e sem contar que Santa Maria, Samambaia, Riacho Fundo II e Recanto das Emas, possuem lotes mistos a perder de vista, que poderiam muito bem abrigar um número muito maior que 80 mil famílias.

Caso saísse do papel, uma nova linha de metrô poderia ser pensada, desta vez saindo do Gama, Santa Maria e passando pela "Cidade Catetinho", São Sebastião, Jardim Botânico, Lago Sul e por fim a área central do Plano Piloto.
Reply With Quote
     
     
  #2459  
Old Posted May 1, 2021, 10:41 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is online now
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,951
Quote:
Originally Posted by fabiano View Post
Acho que esse local tem pouca chance de sair do papel. É uma floresta gigantesca (quase a mesma coisa do Parque Nacional de Brasília) e sem contar que Santa Maria, Samambaia, Riacho Fundo II e Recanto das Emas, possuem lotes mistos a perder de vista, que poderiam muito bem abrigar um número muito maior que 80 mil famílias.

Caso saísse do papel, uma nova linha de metrô poderia ser pensada, desta vez saindo do Gama, Santa Maria e passando pela "Cidade Catetinho", São Sebastião, Jardim Botânico, Lago Sul e por fim a área central do Plano Piloto.
Na verdade a linha seguiria direto peka BR 040 para se conectar com o metrô ParkShopping.
Reply With Quote
     
     
End
 
 
Reply

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais
Forum Jump


Thread Tools
Display Modes

Forum Jump


All times are GMT. The time now is 8:08 PM.

     

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2021, vBulletin Solutions, Inc.