HomeDiagramsDatabaseMapsForum About
     

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Infraestrutura & Transporte


Reply

 
Thread Tools Display Modes
     
     
  #4581  
Old Posted Dec 19, 2019, 9:05 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,539
Agora vai
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #4582  
Old Posted Dec 20, 2019, 12:27 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Agora vai
Vamos aguardar...

Eu quero entender, com o consórcio regularizado, então janeiro começa as obras pelo visto.
Reply With Quote
     
     
  #4583  
Old Posted Dec 20, 2019, 12:32 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,539
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Vamos aguardar...

Eu quero entender, com o consórcio regularizado, então janeiro começa as obras pelo visto.
Provavelmente será no primeiro trimestre de 2020, o que vai pegar serão os valores dos possíveis aditivos, sabendo que se passaram anos de espera
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #4584  
Old Posted Dec 20, 2019, 7:54 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Provavelmente será no primeiro trimestre de 2020, o que vai pegar serão os valores dos possíveis aditivos, sabendo que se passaram anos de espera
Acho que até isso fora resolvido, até mesmo porque, nem chegou instalar canteiro de obras e nem contratação de pessoal.
Reply With Quote
     
     
  #4585  
Old Posted Dec 20, 2019, 8:53 PM
fortescue fortescue is offline
Registered User
 
Join Date: Mar 2012
Posts: 300
Mas essa obra tem projeto executivo? Alguma coisa?
Acho que não tem nada pronto.. O que se tem é somente um croqui de como deveria ser.. Huahauhaua
Reply With Quote
     
     
  #4586  
Old Posted Dec 21, 2019, 1:37 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Quote:
Originally Posted by fortescue View Post
Mas essa obra tem projeto executivo? Alguma coisa?
Acho que não tem nada pronto.. O que se tem é somente um croqui de como deveria ser.. Huahauhaua
Se houve licitação e um consórcio venceu, é porque existe projeto sim.
Reply With Quote
     
     
  #4587  
Old Posted Dec 23, 2019, 10:42 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,539
Agora no Bom dia DF falaram sobre o Túnel do Centro de Taguatinga, disseram que falta o projeto executivo e que as obras se iniciam em aproximadamente 6 meses
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #4588  
Old Posted Dec 23, 2019, 11:09 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Quote:
Originally Posted by MAMUTE View Post
Agora no Bom dia DF falaram sobre o Túnel do Centro de Taguatinga, disseram que falta o projeto executivo e que as obras se iniciam em aproximadamente 6 meses
Vamos aguardar, mas antes, tem que mexer na pista que dá acesso ao CENTRAD, se não mexer, vai ficar dificil. Apesar....

Que se pode fazer o túnel sem mexer em nada por cima, simples, fazer o túnel semelhante que fizeram com o metrô.
Reply With Quote
     
     
  #4589  
Old Posted Dec 25, 2019, 10:45 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,539
Olhem algumas obras programadas para 2020. Reveladas em entrevista do Governador Ibaneis ao Jornal Metrópoles


Estamos fazendo um grande pacote de infraestrutura para a cidade, de mobilidade. Agora no começo do ano vocês vão ter a oportunidade de acompanhar. São mais de 50 licitações de infraestrutura que vão sair. Deixamos tudo isso programado, nós temos reuniões ainda agora no final de ano para terminar de organizar todos os processos de licitação que estão prontos. Isso para que, durante os meses de janeiro, fevereiro e março, que ainda é o período de chuva, a gente consiga concluir as licitações para as obras começarem a partir de abril. Vai dar um novo sentido para a cidade.

Nós temos obras, por exemplo, como o viaduto do Paranoá-Itapoã, a nova entrada do Paranoá e a duplicação ali da Rota do Cavalo, que vai melhorar a vida de toda a população daquela região. Nós temos o viaduto do Recanto das Emas, que todo mundo falava que ia fazer, mas não tinha projeto. Fizemos o projeto e já vamos licitar, temos o viaduto do Riacho Fundo 1, a segunda entrada de Sobradinho, a duplicação da BR-020, de Sobradinho, Planaltina e mais o viaduto de Planaltina. Então, são obras que estamos fazendo em todas as cidades.

A DF-140 vai ser duplicada, a DF-001, no trecho que sai da Marinha, também vai ser toda recapeada, e estamos tentando um projeto para ver se a gente consegue duplicar. São muitas obras na área de infraestrutura que vão melhorar a vida da cidade. Conseguimos agora destravar o túnel de Taguatinga, que estava parado há muito tempo. Ninguém acreditava que aquilo fosse acontecer. Mas já estamos com as empresas e esperamos que as obras comecem no mês de abril.

Consegui com os deputados federais e a bancada do Distrito Federal, que eu sempre reforço o agradecimento, a alocação de R$ 40 milhões em emendas impositivas para poder arrumar a Hélio Prates toda. São três etapas ali. Já estamos com um processo de desapropriação de dois postos de gasolina que tem lá exatamente para a gente implantar o BRT. São muitas obras de infraestrutura.

Metrópoles: Isso tudo acontece em 2020?

Ibaneis: Começa a acontecer em 2020. A grande maioria não será concluída, mas começa a acontecer com a expectativa de a gente entregar até o final de 2021.



https://www.metropoles.com/distrito-...vai-deslanchar
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #4590  
Old Posted Dec 25, 2019, 4:46 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Eu já tinha visto isso, agora não entendi, duplicar a BR 020?

Acho que ele estaria se referindo a implantação de vias marginais, pois ali já é duplicado até Formosa.

Poxa se vão mexer na DF 001 e DF 140, porque não duplicar desde a entrada de São Sebastião pela saída sul até a BR 040 e aproveitando implantando viadutos na região e acabar com aquela gigantesca rotatória.

Agora essa de desapropriar postos de gasolina é uma excelente iniciativa. Assim, finalmente as vias marginais no Estrada Parque Nucleo Bandeirante poderia sair do papel e desapropriar aqueles postos lá.
Reply With Quote
     
     
  #4591  
Old Posted Dec 28, 2019, 10:53 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,539
Veja a lista de obras que o GDF anunciou para 2020



Órgãos do governo receberão investimento para ações em todas as cidades do Distrito Federal

https://www.metropoles.com/distrito-...ciou-para-2020
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #4592  
Old Posted Dec 28, 2019, 1:44 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Eu acho que a imprensa nem se preocupou em fazer correções ortográficas na matéria.

Desde quando o BRT Sudoeste é Varjão e Itapuã?

Outra coisa que achei meio louco é esse viaduto, ligando o Setor Policial Sul com o Terminal Rodoviário Sul...

Esse trecho não é aquele contemplado com a implantação dos lotes 2 e 3 do BRT Sul?

Agora esse sim é o BRT Sudoeste, ligando Recanto das Emas, Riacho Fundo, Núcleo Bandeirante e Candangolândia, na via EPNB.

Para melhorar essa região, terão de desapropriar Postos de Gasolina para implantar vias marginais. E por falar nisso, até o BRT Sul, terá de implantar vias marginais desde a estação das Floriculturas até o Terminal Rodoviário Sul.
Reply With Quote
     
     
  #4593  
Old Posted Dec 31, 2019, 1:33 PM
kaomidev's Avatar
kaomidev kaomidev is offline
José Rodrigo
 
Join Date: Mar 2019
Location: Brasilia
Posts: 91
Exclamation Embarque e desembarque do entorno serão na Plataforma D

[IMG RESIZE=75]https://www.agenciabrasilia.df.gov.br/wp-conteudo/uploads/2019/12/Cartaz-fechamento-do-Touring-Atualiza%C3%A7%C3%A3o-ANTT.jpg[/IMG]

[IMG RESIZE=75]https://www.agenciabrasilia.df.gov.br/wp-conteudo/uploads/2019/12/Cartaz-Linhas-Completo-D-3.jpg[/IMG]

Fonte: Agência Brasília
__________________
===== If you can dream it, you can do it =====

Last edited by kaomidev; Jan 3, 2020 at 6:08 PM. Reason: Como que faz o resize? :<
Reply With Quote
     
     
  #4594  
Old Posted Jan 6, 2020, 10:00 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Até hoje não entendi esses trechos do BRT Sul..

Pelo que tentei entender, foi....

Trecho 1 e 2 é de Santa Maria/Gama até o Aeroporto ou Estação na Floricultura?

Trecho 3 e 4 é a ligação com dessa estação com Terminal Sul? Pois esse viaduto que mencionaram, que ligaria o Setor Policial Sul com o Terminal Rodoviário Sul.... Complicado entender, apesar que vi que só falta esse trecho a ser licitado, apesar que pensei que o BRT Sul ligaria Santa Maria/Gama com TAS e também com o TAN, mas não é o que parece.
Reply With Quote
     
     
  #4595  
Old Posted Jan 6, 2020, 12:43 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,723
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Até hoje não entendi esses trechos do BRT Sul..

Pelo que tentei entender, foi....

Trecho 1 e 2 é de Santa Maria/Gama até o Aeroporto ou Estação na Floricultura?

Trecho 3 e 4 é a ligação com dessa estação com Terminal Sul? Pois esse viaduto que mencionaram, que ligaria o Setor Policial Sul com o Terminal Rodoviário Sul.... Complicado entender, apesar que vi que só falta esse trecho a ser licitado, apesar que pensei que o BRT Sul ligaria Santa Maria/Gama com TAS e também com o TAN, mas não é o que parece.
Pois é... Até onde eu sei, os trechos 3 e 4 seriam da Floricultura até o ParkShopping e TAS.
Reply With Quote
     
     
  #4596  
Old Posted Jan 6, 2020, 1:03 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Quote:
Originally Posted by fabiano View Post
Pois é... Até onde eu sei, os trechos 3 e 4 seriam da Floricultura até o ParkShopping e TAS.
Eu vi num mapa antigo, que a linha se divide, uma vai para o TAS via ParkShopping e outra segue para o Eixo Sul.

Exatamente aonde tem obras incompletas para fazer.
Reply With Quote
     
     
  #4597  
Old Posted Jan 10, 2020, 4:41 PM
fortescue fortescue is offline
Registered User
 
Join Date: Mar 2012
Posts: 300
Reajuste das tarifas de ônibus é publicado no Diário Oficial do DF

Brasilienses vão arcar com um acréscimo de 10% em todos os percursos de ônibus e metrô a partir da segunda-feira (13/1). Governo do Distrito Federal alega que medida é necessária para reduzir desequilíbrio no sistema

Os usuários do transporte coletivo do Distrito Federal pagarão 10% a mais nas passagens de ônibus e metrô a partir de segunda-feira (13/1). O decreto que prevê o reajuste, assinado na noite de quinta-feira (9/1) pelo governador em exercício, Paco Britto (Avante), foi publicado na edição desta sexta-feira (10/1) do Diário Oficial do DF. A princípio, o aumento seria de R$ 0,50 para todas as linhas, conforme informou o secretário de Transporte e Mobilidade, Valter Casimiro, em entrevista coletiva na tarde de quinta. Contudo, Paco Britto entendeu que a porcentagem deveria ser a mesma para todas as linhas.

Em viagem internacional, o governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmou ao Correio, por telefone, que, “pelos estudos realizados e levando em conta o reajuste da tarifa técnica, esse reajuste se mostra necessário para melhorar as contas e manter o sistema em pleno funcionamento”.

No total, todas as 826 linhas de ônibus, incluindo circulares internas (141), curtas (273) e longas/integração (412), passarão pelo reajuste de preço. De acordo com a avaliação de Paco Britto, desde o início do atual mandato, o governo conseguiu “fazer bastante pela mobilidade”, porém, a medida é precisa. Ele ressalta que qualquer alteração deve ter benefícios por meio das empresas de ônibus. “Nós pagamos quase R$ 1 bilhão por ano. Então, tem que ser revestido e cobrado das empresas”, afirmou.

Segundo o secretário Valter Casimiro, o aumento visa diminuir o desequilíbrio entre a tarifa-usuário e a relação do custo do sistema. “O cálculo do aumento, previsto no contrato, foi de 16,19%. O governo optou por não dar esse reajuste total para evitar maior impacto aos passageiros”, detalhou.

A novidade desagradou usuários do transporte público, principalmente aqueles o utilizam diariamente. Os universitários Lohany Kayná e Vinícius Pereira, ambos de 21 anos, reclamaram da medida. “Definitivamente, não tem ônibus de qualidade para toda a população. Querer aumentar é um descaso com o brasiliense”, opinou a estudante de pedagogia, que se desloca do Cruzeiro para a área central do Plano Piloto para o estágio e também para o câmpus da Asa Norte da Universidade de Brasília (UnB).

“Com mudanças nas férias escolares, a gente tem de se readaptar, ainda mais para se adequar aos horários do transporte. O custo-benefício não vale a pena”, completou Vinícius, que pega sete ônibus por dia para ir do Gama, onde mora, à UnB e ao estágio, na Esplanada dos Ministérios. “Mesmo com o passe estudantil, eu preciso pagar uma passagem todos os dias. Se pensar em quem está desempregado, é ainda mais difícil. A pessoa fica sem mobilidade”, destacou.

A promotora de vendas Joana dos Santos, 27, embarca em diferentes linhas de ônibus diariamente para sair do Recanto das Emas em direção a lojas de cosméticos na Rodoviária de Brasília, no Guará e em Taguatinga. Ela conta que, no trabalho, o valor do transporte é dividido, sendo uma parte dela e outra para os empresários. Segundo Joana, em casos de acréscimos no valor das passagens, os funcionários saem no prejuízo. “É cobrada uma porcentagem. Se o valor subir, a nossa parte na contribuição aumenta. Consequentemente, o desconto do salário será maior. A passagem é cara e não vai de acordo com o serviço que recebemos. Nunca consigo ir sentada em um ônibus e, em paradas, espero bastante tempo”, disse.

Francineide Magalhães, 43, foi mais uma das usuárias do transporte público a questionar o aumento de preço. Moradora do Vale do Amanhecer, em Planaltina, a diarista vai diariamente ao Lago Norte. “Quem pega quatro ônibus como fica? A linha que eu embarco para vir ao Plano Piloto não aceita o cartão integração. Por pagar todas as passagens, eu gasto R$ 20 por dia. O meu patrão me dá R$ 200. Se aumentar, vai pesar no bolso. Não vale pagar por isso. Sempre tem superlotação no transporte”, questiona.

Dívida
De acordo com o secretário de Transporte e Mobilidade, Valter Casimiro, a dívida do GDF com as empresas de ônibus chega a R$ 247 milhões, o que também teria motivado o reajuste das passagens. “Em 31 de dezembro de 2018, nosso débito era de R$ 257 milhões. Conseguimos diminuir R$ 10 milhões em um ano. Ainda é pouco, mas temos que considerar que o aumento reduz a necessidade de subsídio em R$ 161 milhões. Sem o aumento, teríamos que conseguir mais orçamento”, detalhou.

Segundo a pasta, somente em 2019 o subsídio chegou a mais de R$ 700 milhões — dinheiro pago às empresas. Os valores incluem, além da tarifa técnica, a gratuidade (pessoas com deficiência e estudantes). No caso, com o modelo proposto, os financiamentos cairiam para R$ 540.294.421,45, uma economia de R$ 161 milhões ao ano. “Infelizmente, o reajuste é colocado no contrato para ser utilizada toda a parte de acréscimo de preços, de pneu a combustível. Isso é contratual e precisa ser incorporado”, ressaltou Casimiro.

Perguntado sobre o impacto que os reajustes poderiam causar no passe livre estudantil, o secretário esclareceu que “não há previsão para rever a gratuidade” e afirmou que pretende implementar melhorias no sistema de transporte público, como a substituição de frotas e a compra de 80 ônibus.

Memória
Aumentos anteriores

O último reajuste nas passagens de ônibus em Brasília ocorreu em 2017, no governo de Rodrigo Rollemberg (PSB). As tarifas nas linhas internas subiram de R$ 2,25 para R$ 2,50; nas de ligação curta, de R$ 3 para R$ 3,50; e de R$ 4 para R$ 5 nas viagens de longa distância, integração e metrô. O aumento foi proposto pelo GDF no último dia útil de 2016 e pegou os brasilienses de surpresa. À época, ocorreram manifestações contrárias à decisão em diversas regiões da capital federal.

Após os protestos, deputados distritais barraram a mudança com um decreto. O Executivo alegou que, sem os aumentos, só teria recursos para manter o sistema de transporte até maio daquele ano e, com autorização do Conselho Especial do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), conseguiu restabelecer o reajuste.

Esse foi o segundo reajuste do governo de Rollemberg. O primeiro, em 2015, implicou aumento médio de 40% nas tarifas. A alta, segundo o governo, foi uma forma de amenizar os impactos da crise orçamentária. Antes dessa, a última alteração havia ocorrido nove anos antes, em janeiro de 2006, no governo de Joaquim Roriz.

Fonte: Correio Braziliense
Reply With Quote
     
     
  #4598  
Old Posted Jan 10, 2020, 5:09 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,723
De algum lugar tem que sair a redução dos 0,5% do IPVA, e não será tirando os privilégios do alto escalão do governo e sim descontando no povão. Não existe almoço grátis para o governo, é toma lá, dá cá, infelizmente.
Reply With Quote
     
     
  #4599  
Old Posted Jan 11, 2020, 12:23 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 24,091
Aquele negócio o povo reclamando de 0,50 centavos mas.... se não houver aumento, vai haver aumento de impostos e esses 0,50 centavos será fichinha para o aumento de impostos.
Reply With Quote
     
     
  #4600  
Old Posted Jan 13, 2020, 12:46 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,539
Ordem de serviço para túnel de Taguatinga será assinada nesta 3ª

A obra, que deve durar dois anos, será iniciada logo após o período das chuvas. Objetivo é diminuir trânsito no centro da cidade

Será assinada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB), nesta terça-feira (14/01/2020), a ordem de serviço que abre o prazo de dois anos para que a construção do túnel de Taguatinga seja concluída. Com o objetivo de diminuir os transtornos com o trânsito no centro da cidade, a obra que estava parada desde 2016 e só foi liberada pelo Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) em dezembro do ano passado.

Quando concluído, o túnel terá 1.010 metros de extensão e contará com duas vias paralelas, cada uma com três pistas de rolagem em cada sentido. Ele fará uma ligação subterrânea para quem segue para Ceilândia, pela via Elmo Serejo, além de oferecer uma via alternativa pela superfície para o Centro de Taguatinga.

O objetivo é evitar a retenção de veículos nos semáforos do centro da cidade. Com a conclusão da obra, os carros que estiverem na Elmo Serejo, sentido Plano Piloto, vão mergulhar pelo túnel e sair na Estrada Parque Taguatinga (EPTG).

O investimento é de R$ 275 milhões, com recursos provenientes de financiamento firmado pelo GDF com a Caixa Econômica Federal. A execução está sob responsabilidade do consórcio Novo Túnel. A obra deve ser iniciada após o período das chuvas.

Transtornos

A circulação de carros e ônibus será afetada durante a execução da obra. Um trecho de quase 1,3 quilômetro, do viaduto da Elmo Serejo até o viaduto da EPTG com a EPCT, sentido Ceilândia-Plano Piloto, na Avenida Central de Taguatinga, por exemplo, será interditado.

A Secretaria de Mobilidade (Semob), o Departamento de Trânsito (Detran) e o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF) estudam novas alternativas. Entre elas está o desvio do fluxo de veículos de quem viaja em direção ao Plano Piloto para a Avenida das Palmeiras, paralela à Avenida Central.

A via alternativa passará pelo Pistão Sul até a alça de acesso à EPTG no viaduto na entrada de Taguatinga. Desta forma, seriam construídos acessos da Elmo Serejo para Avenida das Palmeiras, e desta para a via EPCT, no Pistão Sul.

Com isso, para os motoristas que fazem o sentido Ceilândia/Plano Piloto, a Avenida das Palmeiras teria sentido único. Seriam quatro faixas de rolamento destinadas ao fluxo de veículos. Já no sentido Plano Piloto/Ceilândia, a ideia é manter três das quatro faixas de rolamento do centro de Taguatinga em funcionamento.

Video Link


A definição dessas mudanças, no entanto, ainda não foi tomada.

Problemas no consórcio

A execução contratual foi suspensa após recebimento de representação que questionava a habilitação do Consórcio Novo Túnel na licitação. O documento relatava que uma das participantes do Consórcio, a empresa WVG Construções e Infraestrutura Ltda., era subsidiária integral da Construtora Beter S/A, que havia sido declarada inidônea para licitar e contratar com a Administração Pública.

O processo no TCDF discutia se a penalidade imposta à Construtora Beter poderia ser estendida à WVG Construções, o que implicaria na desclassificação do consórcio na licitação.

Após a suspensão cautelar da licitação, o Tribunal de Contas havia parado o processo para aguardar o exame de mérito de uma ação judicial que tramitava na 9ª Vara Federal Cível de São Paulo, que tinha como objeto o mesmo questionamento sobre o consórcio.

Recentemente, a Secretaria de Obras e Infraestrutura do DF e o Consórcio Novo Túnel noticiaram à Corte de Contas que a composição do Consórcio Novo Túnel foi alterada, com a exclusão da empresa WVG Construções e Infraestrutura Ltda. O fato teve manifestação favorável da Procuradoria-Geral do DF (PGDF).

Com essa alteração, os conselheiros do TCDF entenderam que o questionamento feito na representação inicial perdeu a razão de existir. Assim, retomou o julgamento do processo sobre a licitação e decidiu pela continuidade da execução contratual.




https://www.metropoles.com/distrito-...inada-nesta-3a
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
This discussion thread continues

Use the page links to the lower-right to go to the next page for additional posts
 
 
Reply

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Infraestrutura & Transporte
Forum Jump


Thread Tools
Display Modes

Forum Jump


All times are GMT. The time now is 8:37 AM.

     

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2021, vBulletin Solutions, Inc.