HomeDiagramsDatabaseMapsForum About
     

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais


Reply

 
Thread Tools Display Modes
     
     
  #7261  
Old Posted Feb 26, 2021, 1:58 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Parque Ecológico de Santa Maria ganha infraestrutura

Governo autoriza início da construção de quadras de areia e poliesportivas, pergolados, pista de cooper e parque infantil


O Parque Ecológico de Santa Maria vai ganhar parque infantil, Ponto de Encontro Comunitário (PEC), quadras de areia e poliesportiva, pista de cooper, entre outros | Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

Em uma manhã marcada por anúncios em várias áreas para a população de Santa Maria, o governador Ibaneis Rocha assinou a ordem de serviço para o início das obras de implantação de equipamentos públicos no parque ecológico da cidade. O investimento, na ordem de R$ 1 milhão, é oriundo do orçamento da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap).

O Parque Ecológico de Santa Maria vai ganhar parque infantil, Ponto de Encontro Comunitário (PEC), quadra de areia, quadra poliesportiva, pergolados, pista de cooper e mobiliários urbanos. O prazo de execução da obra será de 90 dias corridos a contar da data de emissão da ordem de serviço. A previsão é que a obra inicie em março.

Durante o evento, o governador Ibaneis Rocha também assinou a ordem de serviço para a reforma do campo sintético da QR 409, em Santa Maria.

Video Link


Campos de murundus

Criado a partir da Lei nº 2.044/1998 e recategorizado em dezembro de 2019 com a Lei n° 6.414, o parque possui atributos ambientais sensíveis, como campos de murundus, uma vegetação típica do Cerrado facilmente inundável no período de chuvas. Em razão desse fator, o Plano de Manejo do parque visa garantir o uso do lugar sem causar prejuízos à biodiversidade. O parque está localizado na Quadra Central 01, Conjunto H, Lote 01

Em setembro de 2020, a Terracap se reuniu com o Brasília Ambiental (Ibram) e a Administração Regional de Santa Maria para tratar sobre o parque ecológico da cidade. Questões como o andamento da regularização e o início das obras da primeira fase do Plano de Manejo foram debatidas. Já o edital que previu a implantação de equipamentos públicos no parque foi publicado em novembro do ano passado.

A implantação desses equipamentos públicos faz parte de um acordo entre a Terracap e o Brasília Ambiental para pagamento de compensação ambiental. Ao atender à devida compensação ambiental dos impactos dos seus empreendimentos, a Terracap mitiga danos causados ao meio ambiente e entrega qualidade de vida e bem-estar à população.

Fonte: Agência Brasília
Reply With Quote
     
     
  #7262  
Old Posted Feb 26, 2021, 3:12 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Finalmente o parque sairá de fato do papel. Com isso desafogará bastante a Praça Central, que atualmente faz o papel de Parque de Santa Maria.

Com isso a RA terá um circuito excelente para lazer e atividades físicas, com ciclovias prontas na DF-483, DF-290, VC-371, Avenida Alagados, Avenida Santa Maria, além da Praça Central e agora com o Parque Ecológico. Juntando tudo, deve dar uns 50km de ciclovia apenas na RA e diga-se de passagem, são super utilizadas.

Agora só Falta conectar a ciclovia do Park Way com a DF-290 pela BR-040.
Reply With Quote
     
     
  #7263  
Old Posted Feb 26, 2021, 6:07 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Quote:
Originally Posted by fabiano View Post
Finalmente o parque sairá de fato do papel. Com isso desafogará bastante a Praça Central, que atualmente faz o papel de Parque de Santa Maria.

Com isso a RA terá um circuito excelente para lazer e atividades físicas, com ciclovias prontas na DF-483, DF-290, VC-371, Avenida Alagados, Avenida Santa Maria, além da Praça Central e agora com o Parque Ecológico. Juntando tudo, deve dar uns 50km de ciclovia apenas na RA e diga-se de passagem, são super utilizadas.

Agora só Falta conectar a ciclovia do Park Way com a DF-290 pela BR-040.
Agora vamos ver se o povo usar a ciclovia né, pois na do Park Way, raramente vejo sendo utilizada, igualzinho os pontos de encontro comunitários, ficam as traças.
Reply With Quote
     
     
  #7264  
Old Posted Feb 26, 2021, 8:01 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Agora vamos ver se o povo usar a ciclovia né, pois na do Park Way, raramente vejo sendo utilizada, igualzinho os pontos de encontro comunitários, ficam as traças.
No Park Way existem 2 ciclovias, uma em cada margem da rodovia e o que mais se vê é ciclista que se julga profissional utilizando a rodovia ou acostamento.
Reply With Quote
     
     
  #7265  
Old Posted Mar 18, 2021, 8:01 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Contrato assinado e o DF ganha uma nova escola técnica

Empresa vencedora da licitação para construção é a Alcance Engenharia e obras ficarão prontas dentro de 16 meses


Já está assinado o contrato para início das obras da escola técnica na Quadra 01, Conjunto A, do Paranoá. Os trabalhos ficarão a cargo da Alcance Engenharia de Construção e tem prazo de conclusão de 16 meses. Dezenas de empregos serão gerados.

Os cursos ofertados serão definidos posteriormente. A rede pública de ensino do Distrito Federal já conta com 13 unidades escolares que ofertam educação profissional e tecnológica em funcionamento, entre elas, o Centro de Educação Profissional e Tecnológica de Brazlândia, inaugurado em janeiro de 2021.

Ainda neste semestre, será inaugurado o Centro de Educação Profissional Escola de Sabores Oscar, no Complexo da República. Já a escola técnica de Santa Maria está em período de construção.

O valor confirmado em contrato para construção é de R$ 12.300.000,00. Deste, R$ 7.424.984,40 é de responsabilidade do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e R$ 4.875.015,60 da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal.

Segundo Victor Hugo, 17 anos, estudante do 2° ano do ensino médio no Centro Educacional Darcy Ribeiro do Paranoá, a expectativa é de uma escola com diversidade na oferta dos cursos. “Com uma escola técnica vamos alavancar a taxa de empregados aqui do Paranoá, os alunos têm uma chance a mais de ter um sucesso profissional”, acrescenta.

Para atender as expectativas dos estudantes, a estrutura educacional será composta por seis grandes blocos, divididos entre 12 salas de aula, seis laboratórios básicos e dois especiais, biblioteca, área de convivência, quadra, auditório, refeitório, teatro e tudo que o local precisa para ser acessível e completo em 5.557,30 m².

A educação move sonhos

Jovem e cheio de planos para o crescimento profissional, Victor Hugo destaca a construção da escola como essencial para o desenvolver de pessoal de muitos estudantes: “Em minha visão, um ensino de qualidade, é o ensino que te prepara para lidar com o futuro e uma escola técnica faz isso com excelência, dando oportunidades e habilidades para os estudantes”.

Já Eduarda Patrícia Santana, 16 anos, estudante do 2° ano do Centro de Ensino Médio Darcy Ribeiro do Paranoá, a escola técnica promete uma evolução no desenvolvimento educacional. “Com a escola técnica os alunos podem continuar melhor os estudos, pois terão mais oportunidades de emprego ao finalizar os estudos do curso técnico”, conta.

* Com informações da Secretaria de Educação

Fonte: Agência Brasília
Reply With Quote
     
     
  #7266  
Old Posted Mar 19, 2021, 12:26 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Saiu na imprensa governador quer reinaugurar a Piscinas de Ondas ainda no 2o semestre de 2021, e para isso, deu inicio a reforma da mesma, sera?
Reply With Quote
     
     
  #7267  
Old Posted Mar 26, 2021, 12:25 PM
DavidRPM's Avatar
DavidRPM DavidRPM is offline
Registered User
 
Join Date: Dec 2011
Posts: 118
Conselho Gestor de Parcerias Público-Privadas autoriza novos projetos

Empresas interessadas devem aguardar publicação de editais para Complexo Hospitalar, Prainha Norte e Polo Atacadista

Implantação e gestão do Complexo Hospitalar da Região Centro-Sul, Concessão da Prainha Norte e Implantação do Polo Atacadista. Esses são os três projetos que o Conselho Gestor de Parcerias Público-Privadas (CGP) autorizou a abertura, na reunião de hoje, de Procedimentos de Manifestação de Interesse (PMIs).

Esses processos serão iniciados na Secretaria de Projetos Especiais (Sepe) e depois de passar por todas as etapas de uma PPP, serão encaminhados para as secretarias que farão a licitação.

Na prática, significa que esses três novos projetos começam a tramitar. A autorização é a primeira etapa do processo que inclui a manifestação de interesse pelas empresas, desenvolvimento de estudos de modelagem técnica, econômico-financeira e jurídica, consulta e audiências públicas e pôr fim a licitação.

“Os projetos que estão em andamento na nossa secretaria consolidam esse viés de Parcerias Público-Privadas e a política do governador Ibaneis Rocha de aproximação com o empresariado. Se não fosse por essa confiança no GDF, não teríamos tantas empresas interessadas em investir aqui”, comemora o Secretário de Projetos Especiais, Roberto Andrade.

Os projetos

Implantação e gestão do Complexo Hospitalar da Região Centro-Sul. Será construído no Guará, e vai atender a população da cidade e de outras próximas. A expectativa é de que o complexo tenha laboratórios, reabilitação de pacientes, odontologia, além dos atendimentos comuns a um hospital.

Implantação do Polo Logístico, localizado no Recanto das Emas, inicialmente denominado Polo Atacadista e fazia parte do Programa de Apoio ao Empreendimento Produtivo (PRO-DF II). Serão lotes destinados ao uso predominantemente industrial e de comércio atacadista. Toda a infraestrutura urbana e logística de transporte de carga deverá ser implantada pelo empreendedor e deverá ser compatível com os melhores parques tecnológicos industriais em operação no Brasil.

Concessão da Prainha Norte, localizada no Setor de Mansões do Lago Norte. A gestão ficará por conta do setor privado, que terá que promover a preservação do meio-ambiente, promovendo um uso consciente no local, harmonizando o lazer e a preservação.


“Essas são propostas importantíssimas para o desenvolvimento de nossa região e da nossa população. E se não fosse por meio de PPPs, ou seja, com dinheiro privado, não conseguiríamos tirar do papel. Este é um momento de escassez de recursos públicos em todo o país, e não podemos parar, temos que continuar.”, reconhece o secretário Roberto Andrade.

*Com informações da Secretaria de Projetos Especiais



Fonte: https://www.agenciabrasilia.df.gov.b...ovos-projetos/
Reply With Quote
     
     
  #7268  
Old Posted Mar 26, 2021, 1:53 PM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,504
Tomara que saia logo do papel, o DF não pode ficar esperando 5, 10 anos pra começar esses empreendimentos.
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #7269  
Old Posted Mar 29, 2021, 3:05 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Eu conversei com um secretário do GDF criticando a demora, e ele veio falar que sou oposição kkkkkkkk....

Nem vou dar o nome, mas eu falei, olha conheço n projetos que o GDF e CAP anunciaram com toda pompa que até hoje nada, absolutamente nada saiu do papel...

E eu até falei para ele com tom de crítica construtiva, que tenho uma imensa lista de NEVER BUILT de projetos assim. Como Disney em Sobradinho, Shopping Enseada na Vila Planalto, CIME - Centro Internacional de Medicina Especializada, esse anunciado pelo GDF em 2019 e até agora nadica de nada de falar nele....

E outros como Biotc, Pátio Ferroviário entre outros. Ou mesmo o famoso masterplan do Aeroporto.
Reply With Quote
     
     
  #7270  
Old Posted Mar 30, 2021, 10:28 AM
MAMUTE's Avatar
MAMUTE MAMUTE is offline
...
 
Join Date: Nov 2010
Location: Brasília
Posts: 13,504
GDF vai desapropriar terreno para ampliar hospital de Samambaia


O imóvel tem 2.080 metros quadrados e fica na QS 614. A Terracap terá a responsabilidade de desapropriar e indenizar proprietário do imóvel

O Governo do Distrito Federal vai desapropriar um terreno de 2.080 metros quadrados, em Samambaia, para ampliar o hospital regional da cidade. A decisão está oficializada na edição extra do Diário Oficial de segunda-feira (30/3).

De acordo com o documento, o lote fica declarado de utilidade pública e, com isso, as autoridades do governo ficam autorizadas a tomar as providências no sentido de cumprir a determinação do Executivo.

A responsabilidade pela desapropriação do imóvel, assim como pelo pagamento da indenização ao dono do terreno, caberá à Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap).

Apesar de ter sido publicado na edição extra do Diário Oficial de ontem (29/3), o Art. 6º diz que “este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Brasília, 12 de março de 2021”, ou seja, 17 dias atrás.

Ampliação

Desde junho do ano passado, o Hospital Regional de Samambaia (HRSam) destina leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19. Na última quarta-feira (24/3), o Instituto BRB, entidade sem fins lucrativos do Banco de Brasília, anunciou ter recebido a primeira doação formal de recursos destinados para a ampliação da unidade de saúde.

Por meio da campanha Todos Contra a Covid, o comércio varejista de materiais de construção do DF, por meio das suas entidades representativas, doou R$ 505 mil. Esses recursos somam-se aos R$ 3 milhões já doados pelo Instituto BRB para o projeto que prevê a construção do primeiro hospital modular acoplado em Samambaia. A nova undade de saúde terá a capacidade para 100 leitos com suporte respiratório.

o HRSam destinou leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19.

Na última quarta-feira (24/3), o Instituto BRB, entidade sem fins lucrativos do Banco de Brasília, anunciou ter recebido a primeira doação formal de recursos destinados para a ampliação d



https://www.correiobraziliense.com.b...samambaia.html
__________________
Concordou? Comente! Gostou? Comente! Discordou? Comente! Deixe sua Opinião!

Cadastre-se e Comente!
Reply With Quote
     
     
  #7271  
Old Posted Mar 30, 2021, 11:50 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Eu acho que todos os Hospitais Regionais deveriam ter um padrão. Se tem 400 leitos... não importa se tem 6, 12 ou 18 andares.... não pode é colocar HR com tamanho reduzido. É melhor sobrar do que faltar.
Reply With Quote
     
     
  #7272  
Old Posted Mar 30, 2021, 8:51 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Existe um lote gigantesco no Centro Urbano de Samambaia, que é destinado a Hospital Regional. Poderiam construir um hospital de porte realmente regional nesse terreno.
Reply With Quote
     
     
  #7273  
Old Posted Mar 31, 2021, 10:35 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Quote:
Originally Posted by fabiano View Post
Existe um lote gigantesco no Centro Urbano de Samambaia, que é destinado a Hospital Regional. Poderiam construir um hospital de porte realmente regional nesse terreno.
Mas aquele negócio, a Samambaia precisava para ontem o hospital, e o GDF simplesmente desapropriou o atual.
Reply With Quote
     
     
  #7274  
Old Posted Mar 31, 2021, 12:18 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Mas aquele negócio, a Samambaia precisava para ontem o hospital, e o GDF simplesmente desapropriou o atual.
Diante da emergência na ampliação, é plausível. Mas, já deveria existir um projeto para o local, visto que, são mais de meio milhão de pessoas que não possuem um hospital regional de porte regional (Samambaia, Recanto, RF2 e RF1).
Reply With Quote
     
     
  #7275  
Old Posted Mar 31, 2021, 6:13 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Quote:
Originally Posted by fabiano View Post
Diante da emergência na ampliação, é plausível. Mas, já deveria existir um projeto para o local, visto que, são mais de meio milhão de pessoas que não possuem um hospital regional de porte regional (Samambaia, Recanto, RF2 e RF1).
Mais fácil o Recanto das Emas ganhar um HR, agora o lote de Samambaia será vendido para outra função. Pois como já tem HR não tem lógica continua com o terreno vazio.
Reply With Quote
     
     
  #7276  
Old Posted Mar 31, 2021, 8:00 PM
fabiano's Avatar
fabiano fabiano is offline
Registered User
 
Join Date: May 2013
Location: Brasília
Posts: 2,652
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Mais fácil o Recanto das Emas ganhar um HR, agora o lote de Samambaia será vendido para outra função. Pois como já tem HR não tem lógica continua com o terreno vazio.
Na verdade, o terreno é subutilizado (sendo utilizado menos de 10% da área) e atualmente abriga um CAPS e uma UBS.
Reply With Quote
     
     
  #7277  
Old Posted Apr 8, 2021, 2:15 AM
DavidRPM's Avatar
DavidRPM DavidRPM is offline
Registered User
 
Join Date: Dec 2011
Posts: 118
Mais um passo é dado para a criação de novo polo logístico no DF
Com a implantação do projeto, haverá melhor distribuição dos produtos, o que vai reduzir o tráfego urbano



A área, de 260 hectares, fica entre o Recanto das Emas e Samambaia, na BR-060. A estimativa é que no local haja oferta adequada de comércio e serviços de apoio ao polo logístico | Imagem: Reprodução

A Secretaria de Projetos Especiais (Sepe) publicou nesta quarta-feira (7) no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), edital de manifestação de interesse (PMI) para a concessão e exploração do Polo Logístico do DF. As empresas interessadas terão até o próximo dia 6 de maio para entregar a documentação e, depois, realizarem levantamentos, investigações e estudos para a modelagem do projeto.

A implantação do Polo Logístico, localizado no Recanto das Emas, inicialmente denominado Polo Atacadista, é parte do Programa de Apoio ao Empreendimento Produtivo (PRO-DF II). “A ideia do Polo Logístico não é nova, mas agora vai sair do papel por meio de uma parceria público-privada, que é o que temos feito nesta gestão do governador Ibaneis Rocha. Os lotes no local serão destinados para uso industrial e de comércio atacadista”, confirmou o secretário de Projetos Especiais, Roberto Andrade.

A área, de 260 hectares, fica entre o Recanto das Emas e Samambaia, na BR-060. Nesse local, a estimativa é que haja oferta adequada de comércio e serviços de apoio ao polo logístico. Toda a infraestrutura urbana e logística de transporte de carga deverá ser implantada pelo empreendedor e terá que ser compatível com os melhores parques tecnológicos industriais em operação no Brasil.

“Brasília não comporta a quantidade de caminhões de carga que passam por aqui. Esse polo é essencial para reduzir o número de veículos de grande porte na nossa cidade. Com ele, haverá uma logística de distribuição dos produtos, o que vai reduzir o trânsito e preservar as rodovias urbanas, entre outras melhorias”, justificou Roberto Andrade.

O secretário de Projetos Especiais lembrou que hoje o transporte de carga para o Distrito Federal é feito pela BR-040, e que com o polo industrial “teremos mais uma alternativa de rota pela BR-060”.

Processo

O PMI é a primeira etapa do processo que será finalizado com o edital de licitação para a concessão e exploração do Polo Logístico do DF. A Secretaria de Projetos Especiais é responsável por dar forma ao plano de negócio, que começa com a entrega de documentação pelas empresas interessadas em desenvolver estudos, investigações e levantamentos.

“É nesta etapa que estamos agora. Depois que as empresas entregarem a documentação, a nossa equipe técnica vai analisar se tudo está correto e publicar quais poderão desenvolver os estudos. As que estiverem habilitadas terão um tempo para apresentarem suas propostas e a Sepe terá mais um tempo para decidir o estudo vencedor”, explicou o secretário.

Outra etapa pela qual o estudo vai passar é a de consulta e audiência públicas, que é quando a população vai conhecer o projeto, dar sugestões e propor modificações. Somente após essa fase é que se dará a última parte, que é a tramitação para a publicação do edital de licitação. Nesse momento, toda a documentação do processo é encaminhada para a secretaria, ou órgão que será o responsável pelo Polo Logístico do DF.

Documentação

Os documentos que devem ser encaminhados para a Sepe podem ser consultados no site da secretaria.

Por conta das medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da covid-19 (Sars-Cov-2), a Sepe disponibilizou mais uma forma de entrega da documentação. Além da forma presencial as empresas podem mandar por meio digital pelo e-mail protocolo.casacivil@buriti.df.gov.br, com cópia para sepe.gab@buriti.df.gov.br

Em relação aos documentos enviados algumas regras devem ser observadas para que o e-mail seja protocolado:

Cada e-mail enviado pode ter no máximo 20 megabytes (MB). Se o arquivo for superior a esse tamanho, deverá ser informado no corpo do primeiro e-mail que outros serão enviados. Isso é necessário para a organização do recebimento pelo protocolo.
Os documentos devem estar no formato PDF.
Os prazos por meio digital terminam às 23:59h do dia estipulado no edital. No caso do Polo Logístico, o e-mail deve ser enviado até às 23:59h do dia 6 de maio.
Se a entrega for presencial, o prazo é de 9h às 18h, no seguinte endereço: Praça do Buriti, Zona Cívico-Administrativa, Palácio do Buriti, sala P-50, Gabinete da Secretaria de Projetos Especiais, Brasília – DF – CEP 70.075-900, mediante protocolo.


*Com informações da Secretaria de Projetos Especiais

Fonte: https://www.agenciabrasilia.df.gov.b...gistico-no-df/
Reply With Quote
     
     
  #7278  
Old Posted Apr 8, 2021, 10:16 AM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Estranho, no Jornal de Brasília, divulgou que seria no Polo JK....

Eu falei, essa matéria está totalmente errada. Finalmente o GDF divulgou a real localização. Apesar que pelas imagens, desidrataram o tamanho do empreendimento.
Reply With Quote
     
     
  #7279  
Old Posted Apr 9, 2021, 12:45 PM
DavidRPM's Avatar
DavidRPM DavidRPM is offline
Registered User
 
Join Date: Dec 2011
Posts: 118
Quote:
Originally Posted by pesquisadorbrazil View Post
Estranho, no Jornal de Brasília, divulgou que seria no Polo JK....

Eu falei, essa matéria está totalmente errada. Finalmente o GDF divulgou a real localização. Apesar que pelas imagens, desidrataram o tamanho do empreendimento.
A Administração do Recanto postou essa imagem:



Se o Polo realmente for seguir paralelo à BR 060 do viaduto de acesso à DF180 até o Viaduto de Samambaia são 9Kms de extensão, é bem grande o espaço e todos os terrenos terão acesso direto ou quase direto a BR060, além é claro de sobrar bastante espaço para o futuro Setor Habitacional Vargem da Benção. E também espero que deixem espaço no projeto para um futuro viaduto na BR060 para futura ligação da Avenida Central de Samambaia com a do Recanto.
Reply With Quote
     
     
  #7280  
Old Posted Apr 9, 2021, 12:56 PM
pesquisadorbrazil's Avatar
pesquisadorbrazil pesquisadorbrazil is offline
LLAP
 
Join Date: May 2011
Location: Brasília DF
Posts: 23,847
Quote:
Originally Posted by DavidRPM View Post
A Administração do Recanto postou essa imagem:



Se o Polo realmente for seguir paralelo à BR 060 do viaduto de acesso à DF180 até o Viaduto de Samambaia são 9Kms de extensão, é bem grande o espaço e todos os terrenos terão acesso direto ou quase direto a BR060, além é claro de sobrar bastante espaço para o futuro Setor Habitacional Vargem da Benção. E também espero que deixem espaço no projeto para um futuro viaduto na BR060 para futura ligação da Avenida Central de Samambaia com a do Recanto.
Se não instalarem as vias marginais corretamente, vai criar outro gargalo. E nada de acesso por viadutos, tem que ser por alças viárias.
Reply With Quote
     
     
This discussion thread continues

Use the page links to the lower-right to go to the next page for additional posts
 
 
Reply

Go Back   SkyscraperPage Forum > Regional Sections > América Latina > Brasil > Regiões Metropolitanas Mundiais
Forum Jump


Thread Tools
Display Modes

Forum Jump


All times are GMT. The time now is 4:42 AM.

     

Powered by vBulletin® Version 3.8.7
Copyright ©2000 - 2021, vBulletin Solutions, Inc.